Existem hoje tratamentos médicos seguros, eficazes e fiáveis visando a proteção da saúde humana à medida que envelhecemos.

Para alcançar esse objetivo, a Medicina Antiaging afigura-se um instrumento essencial. Fá-lo através da otimização autóloga (otimização hormonal que resulta da autoprodução) da produção hormonal pelo nosso organismo com Terapia Laser de baixa intensidade e/ou Otimização Hormonal.

Este processo consiste na restauração de níveis hormonais para o padrão de indivíduos mais jovens saudáveis e enérgicos. Fá-lo de três formas em simultâneo:
a) acompanhamento médico rigoroso;
b) dieta alimentar adequada;
c) prática de exercício físico adequado.

Ao falar em TESTOSTERONA (hormona sexual masculina), ocorrem-nos imediatamente algumas perguntas: Quais são os valores normais de testosterona no homem? E quais são os valores ótimos?

O Ótimo no âmbito da “Modulação Hormonal”, é identificado pela parceria médico / paciente, tendo em conta a evolução do paciente, dos seus objetivos e, idealmente de níveis hormonais na escala máxima fisiológica considerando um jovem adulto saudável, para qualquer idade.

Esta dinâmica é regularmente aferida em consulta valorizando o estado de saúde e bem-estar otimizado do paciente e considerando os resultados de exames analíticos, mais amplos do que o valor da testosterona.

Segundo a nossa literatura médica de apoio, nenhum indivíduo deveria possuir níveis hormonais de um homem de 70 anos.

Todos os estudos médicos envolvem doses hormonais, que resultam em níveis hormonais no limite superior da escala fisiológica. Estes são os níveis detetados nos adultos jovens saudáveis.

Níveis hormonais ótimos permitem usufruir de uma saúde ótima. Com efeito, bons níveis de testosterona diminuem a probabilidade de ocorrência de incidentes cardíacos e AVC´s, bem como o desenvolvimento de patologias como a Doença de Alzheimer, diabetes e hipertensão arterial.

Além disso, segundo estudos efetuados, a hormona sexual masculina apresenta outros benefícios:

  • Protege contra doenças cardiovasculares, diminuindo a incidência de ataques cardíacos devido ao seu efeito nos vasos sanguíneos;
  • Melhora o colesterol bom, reduzindo o colesterol mau;
  • Melhora as boas lipoproteínas, baixando a incidência das más.

Quanto mais elevado for o nível de testosterona melhor o homem se sente, mais a vida se prolonga e menor é o risco de doença cardiovascular.

Sinais e sintomas de testosterona baixa

São diversos os sintomas e patologias indicadores de baixos níveis de testosterona:

  • Depressão;
  • Baixa líbido (apetite sexual reduzido);
  • Fadiga;
  • Doenças cardíacas;
  • Demência;
  • AVC;
  • Osteoporose;
  • Cancro da próstata;
  • Obesidade abdominal;
  • Diabetes tipo 2;
  • Diminuição da força anímica e da autoconfiança;
  • Disfunção erétil;
  • Confusão;
  • Atrofia muscular.

Complementação com testosterona

Se pondera fazer complementação com Testosterona, um médico experiente em tratamentos hormonais de compensação (modulação hormonal) poderá auxiliá-lo a repor os níveis ótimos da hormona, bem como a reduzir ou eliminar sintomas e a melhorar a sua qualidade de vida sem causar efeitos secundários significativos.

Terapia Hormonal

Testosterona no Homem
Testosterona na Mulher
Otimização da Testosterona
Hormona de Crescimento
Otimização da Tiroideia
Benefícios de um tratamento tiroideu

Fale Connosco!

Marque uma consulta ou esclareça as suas dúvidas.

Abrir chat
Olá,
em que podemos ajudar?